terça-feira, 10 de julho de 2007

Sem o que escrever, mas inspirado

então, tá.
deixa passar esse seu rock'n roll,
se não quiser deixar isso pra lá, então deixa.
depois de amaldiçoar a vida, declarar amor à dor, e sofrer, sofrer... só depois volte aqui que abro meus braços pra seu frio passar.
não sabe como a vida é linda?
a dor sai no sangue, mas também sai no sorriso, sai no carinho, no suor, no delírio.
delira comigo.
me deixe segurar sua mão suada, deixa eu segurar seu fôlego raro, sua voz muda, essa lágrima nervosa nos seus olhos.
ei cara, existem lugares dentro de mim que são quase de ferro.
foi o tempo,
aprendi a matar todo ontem que foi ruim. mas às vezes páro em um dia qualquer, um dia escuro, era uma noite.
saturno te confundiu? os anéis brilhavam, e eles só olhando, olhando, se desligando...
larga tudo que lhe faz mal. larga os demônios, vem pro paraíso.
vem pra perto, distância não existe, nós também não.
então, depois daquele rock'n roll, me chama.
se ainda quiser estar bem.
é só um sonho... e sonhos não vem por acaso.
agora que fechou os olhos, não fuja.
não vou deixar você me deixar

7 comentários:

  1. 4n4um-anjo-Caído11 de julho de 2007 12:17

    Belas palavras...
    gostaria de saber expressar meu sentimentos melhor...
    me perdoe mais tenho apenas dois vicios , amor a minha dor...
    e meu amor por você meu bem...

    ResponderExcluir
  2. se a gente não matar o ontem que foi ruim ele faz questão de nos matar lentamente...

    se eu soubesse expressar meus sentimentos assim eu acho que faria menos frio dentro de mim.

    ;*

    ResponderExcluir
  3. nossa!!! perfeito.
    tô encantada..
    posso voltar mais vezes?
    =]
    bjos

    ResponderExcluir
  4. muito bom!!!

    gostei de ver... ótimo texto!!
    você tem jeito com as palavra


    bjos...




    ps: já coloquei seu link em meu blog...

    ps':atualizei meu blog

    ResponderExcluir
  5. existem lugares dentro de mim que são quase de ferro.
    foi o tempo

    foi tudo isso

    ResponderExcluir
  6. "aprendi a matar todo ontem que foi ruim"

    Eu ainda não sei fazer isso...

    Gostei do blog!

    :D

    ResponderExcluir
  7. é, matar o ontem não é fácil.
    queria saber como também.

    como sempre,tu sabe usar muito bem as palavras dani.

    x*
    (postei)

    ResponderExcluir